venerdì 20 febbraio 2009

Revolutionary Road




Um casal a interrogar-se sobre a origem do veneno injectado debaixo da pele, a representação dos primeiros sinais, dos primeiros indícios duma morte iminente, ou das consequências dramáticas dum falecimento já advido, sofrido antes e a seguir. Hopeless emptyness. A luz doente que ilumina Revolutionary Road, que ilumina as ausências, os espaços do vazio, inexoravelmente invade o cenário e deixa no filme, desde o início, presságios gélidos de morte. Can't leave, can't stay. Absolutamente para ver.

3 commenti:

blue ha detto...

duríssimo, este filme. a ver, sem dúvida.

Sycape ha detto...

ela ganhou o oscar! tava a ver que nunca mais :D

googler ha detto...

huangzong487
delu963
nuojiya8210
jianchihu
mengmashou